Janfar Abdulai, Ministro dos Transportes e Comunicações, visitou, no passado dia 15, a vila da Manhiça, para se inteirar do decurso de implementação do Projecto-piloto do Código de Endereçamento Postal (CEP). O governante visitou as principais vias de acesso da vila e bairros conexos, para além de se ter reunido com as autoridades locais.

“O projecto-piloto permitiu tirar ilações que serão replicadas no trabalho a ser realizado nos outros locais do país”, afirmou o Ministro. Matola, Beira, Quelimane, Nampula e Nacala são as cidades previstas no Plano Quinquenal do Governo (2020-2024).

O novo Código de Endereçamento Postal (CEP) vai revolucionar o funcionamento da actividade de correio, “na medida em que resolve o crónico problema de deficiente localização das ruas, instituições e residências, bem como dos próprios cidadãos”, sublinhou Abdulai.

O impacto do CEP resume-se, segundo o Ministro, na facilitação da organização logística e a localização espacial de um endereço postal e também do acesso de serviços urbanos de grande mobilidade, como ambulâncias, bombeiros, táxis e outros, bem como da provisão de serviços administrativos e cobrança de impostos e taxas.

A expansão do endereçamento postal, abrangendo a periferia das cidades, a uniformização do sistema de endereçamento postal no território nacional e a disponibilização de endereços fiáveis em várias unidades territoriais, facilitando a localização das ruas, portas, é o que igualmente se espera da implementação do CEP.

“Do trabalho efectuado aqui no Município da Manhiça constata-se que o Projecto-piloto de Endereçamento Postal foi implementado com sucesso, estando criadas as necessárias condições para replicar esta experiência para o resto do país”, destacou.

Janfar Abdulai sublinhou que o endereçamento postal é a resposta do Governo para a dinamização do serviço de correio, uma actividade bastante desafiada pelo desenvolvimento das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) que tomaram parte significativa do negócio do correio.

O Ministro apelou à mobilização das autoridades locais administrativas, particularmente as autarquias, para se apropriarem do processo.

Recorde-se que o projecto-piloto do novo CEP foi lançado naquele ponto do país, a 20 de Setembro de 2019, e é resultado de trabalho conjunto entre o Instituo Nacional das Comunicações de Moçambique-INCM e o Ministério de Administração Estatal e Função Pública (MAEFP).

O novo CEP apresenta uma estrutura numérica composta de seis algarismos, correspondentes aos códigos de província, distrito e posto administrativo, respectivamente. Tem um sistema de funcionamento simples, que facilita identificação dos lugares, tanto de edifícios, como do arruamento, obedecendo a uma lógica estruturada.

Onde estamos

Praça 16 de Junho nr. 340
Bairro da Malanga, 848 Maputo

mapa

Organizações Internacionais e Regionais

Outros Reguladores

Contacto

Sede: +258 21 227100

Cell: +258 82 328 3850 / +258 84 398 5951

Email: info@incm.gov.mz

Praça 16 de Junho nr. 340 - Bairro da Malanga, 848 Maputo